CartaExpressa

Bolsonarista é condenado a pagar R$ 110 mil por fake news contra Leonardo Boff

Bernardo Küster foi processado após divulgar um vídeo em que afirmava que o teólogo desviou 13 milhões de reais em recursos públicos

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução
Apoie Siga-nos no

O ativista bolsonarista Bernardo Küster foi condenado pelo Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro a pagar cerca de 110 mil reais ao teólogo Leonardo Boff. A informação é da Folha de S.Paulo.

Küster foi processado após divulgar um vídeo em que afirmava que o teólogo desviou 13 milhões de reais em recursos públicos. No entanto, ele não apresentou nenhuma prova.

A decisão foi referendada em segunda instância após o ativista apresentar recurso junto ao tribunal. Na primeira instância, a justiça  já havia determinado que o ativista pagasse 20 mil ao teólogo por danos morais.

As medidas não foram cumpridas por mais de dez meses, e a multa chegou a 109.991,80 mil reais.

Küster é também investigado Supremo Tribunal Federal no Inquérito das Fake News.

CartaCapital
Há 27 anos, a principal referência em jornalismo progressista no Brasil.

Tags: , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.