CartaExpressa

Após revogar decreto do SUS, Bolsonaro fala em ‘falsa privatização’

Presidente afirmou que decreto poderá ser reeditado quando houver entendimento acerca de seus benefícios

Apoie Siga-nos no

Após revogar o decreto que autorizava estudos sobre participação privada no Sistema Único de Saúde (SUS), o presidente Jair Bolsonaro foi às redes sociais para falar em ‘falsa privatização’.

O presidente justificou a medida como necessária para concluir obras do sistema de saúde, adquirir equipamentos e efetivar contratação de pessoal.

ENTENDA MAIS SOBRE: , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Apoie o jornalismo que chama as coisas pelo nome

Os Brasis divididos pelo bolsonarismo vivem, pensam e se informam em universos paralelos. A vitória de Lula nos dá, finalmente, perspectivas de retomada da vida em um país minimamente normal. Essa reconstrução, porém, será difícil e demorada. E seu apoio, leitor, é ainda mais fundamental.

Portanto, se você é daqueles brasileiros que ainda valorizam e acreditam no bom jornalismo, ajude CartaCapital a seguir lutando. Contribua com o quanto puder.

Quero apoiar