CartaExpressa

Após revogar decreto do SUS, Bolsonaro fala em ‘falsa privatização’

Presidente afirmou que decreto poderá ser reeditado quando houver entendimento acerca de seus benefícios

Após revogar o decreto que autorizava estudos sobre participação privada no Sistema Único de Saúde (SUS), o presidente Jair Bolsonaro foi às redes sociais para falar em ‘falsa privatização’.

O presidente justificou a medida como necessária para concluir obras do sistema de saúde, adquirir equipamentos e efetivar contratação de pessoal.

Ana Luiza Basilio

Ana Luiza Basilio
Repórter do site de CartaCapital

Tags: , , , ,

Assine nossa newsletter

Receba conteúdos exclusivos direto na sua caixa de entrada.

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fonte confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!