CartaExpressa

Anvisa pede informações à Saúde e adia decisão sobre liberação de autotestes

Diretores da agência questionam, por exemplo, a regulação dos testes

A Agência Nacional Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
A Agência Nacional Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Apoie Siga-nos no

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária decidiu adiar nesta quarta-feira 19 a decisão sobre a liberação da venda dos autotestes de Covid-19. A decisão, segundo diretores da agência, se deve à necessidade de obter mais dados do Ministério da Saúde.

O diretor Rômison Rodrigues Mota solicitou a realização de diligências, dentro de um prazo de até 15 dias, para cobrar da pasta chefiada por Marcelo Queiroga a formalização de uma política pública antes de avalizar o autoteste.

Outros pontos questionados são a falta a de regulamentação sobre o uso do autoteste e como se dará a notificação, ou seja, se os casos positivos serão incluídos no balanço oficial.

Os testes realizados dentro das farmácias são contabilizados regularmente.

CartaCapital
Há 27 anos, a principal referência em jornalismo progressista no Brasil.

Tags: , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.