CartaExpressa

Alvo do MPF, Queiroguinha esteve 30 vezes no Planalto e no Ministério da Saúde

O filho do ministro Marcelo Queiroga é investigado por suposto tráfico de influência e improbidade administrativa

No palco em João Pessoa, reservado para as autoridades, Queiroguinha sentou atrás de Bolsonaro e em determinado momento chegou a sussurrar em seu ouvido do ex-capitão. Marcelo Queiroga, por sua vez, aparece em posição de destaque, na primeira fileira.

Foto: Reprodução
No palco em João Pessoa, reservado para as autoridades, Queiroguinha sentou atrás de Bolsonaro e em determinado momento chegou a sussurrar em seu ouvido do ex-capitão. Marcelo Queiroga, por sua vez, aparece em posição de destaque, na primeira fileira. Foto: Reprodução
Apoie Siga-nos no

O filho do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, alvo do Ministério Público Federal por suposto tráfico de influência e improbidade administrativa, esteve ao menos 30 vezes no Palácio do Planalto e no Ministério da Saúde. As informações são do jornal O Globo.

Mais da metade das visitas ocorreram depois de fevereiro, quando Antônio Cristóvão Neto, o Queiroguinha, se filiou ao PL, partido do presidente Jair Bolsonaro, pelo qual é pré-candidato a deputado federal pela Paraíba.

O jornal apurou, via Lei de Acesso à Informação, que Queiroguinha esteve 12 vezes no Palácio do Planalto, sendo três visitas ao gabinete do presidente. Já no Ministério da Saúde ele esteve 18 vezes ao longo de um ano.

O filho de Queiroga tem participado de eventos do governo federal na Paraíba como forma de turbinar sua pré-campanha. Há uma semana esteve ao lado de Bolsonaro em um evento de entregas de moradias em João Pessoa.

A Comissão do Trabalho, Administração e Serviço Pública da Câmara dos Deputados aprovou um convite para Queiroga explicar, na terça-feira 5, a atuação de seu filho na pasta.

CartaCapital
Há 27 anos, a principal referência em jornalismo progressista no Brasil.

Tags: , , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.