CartaExpressa,Política

‘A que ponto chegamos’, diz Bolsonaro sobre divulgação de conversa com Kajuru

‘A que ponto chegamos’, diz Bolsonaro sobre divulgação de conversa com Kajuru

Presidente reclamou do vazamento do conteúdo do diálogo que teve com o senador do Cidadania-GO

Foto: EVARISTO SA / AFP

Foto: EVARISTO SA / AFP

O presidente Jair Bolsonaro reclamou, nesta segunda-feira 12, de uma conversa gravada e divulgada pelo senador Jorge Kajuru (Cidadania-GO).

No diálogo, o presidente pressiona o parlamentar a pedir a abertura de impeachment de ministros do Supremo Tribunal Federal. Bolsonaro também cobrou que a CPI da Covid-19, no Senado Federal, trabalhe para apurar a atuação de prefeitos e governadores.

 

 

“Eu fui gravado em uma conversa telefônica, está certo? A que ponto chegamos no Brasil? Gravado”, afirmou o presidente para apoiadores na saída do Palácio da Alvorada.

“A gravação é só com autorização judicial. Agora, gravar o presidente e divulgar… E outra, só para controle, falei mais coisas naquela conversa lá. Pode divulgar tudo da minha parte, tá?”, acrescentou.

O presidente demonstrou irritação com a revelação da conversa.

Junte-se ao grupo de CartaCapital no Telegram

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem