Economia

Bolsa volta a cair e dólar ultrapassa os R$ 5

Após dois dias de leve recuperação, o mercado brasileiro voltou a sentir os efeitos do coronavírus

Moeda americana teve queda após dia de caos nos mercados globais. Foto: Fernanda Carvalho/Fotos Públicas
Moeda americana teve queda após dia de caos nos mercados globais. Foto: Fernanda Carvalho/Fotos Públicas

Após dois dias de leve recuperação, a Bolsa brasileira voltou a cair nesta sexta-feira 27. Acompanhando o cenário internacional, às 11:45 a Bovespa operava em queda de 5,55, a 73.413 pontos.

O dólar acompanhou o mercado e voltou a ser negociado acima dos R$ 5, valor histórico atingido na última semana. Às 11:45 a moeda americana era negociado a R$ 5,10.

 

Os investidores se dividiam entre as notícias sobre a disseminação do coronavírus no mundo e as expectativas de mais medidas de estímulo para combater os impactos econômicos da pandemia.

As principais Bolsas da Europa iniciara a sexta-feira em queda . Nos primeiros minutos de negociações, o índice FTSE-100 de Londres recuava 2,7%, o Ibex-35 de Madri 2,34%, o DAX de Frankfurt cedia 2,4% e o CAC-40 de Paris 2,2%.

Já a Bolsa de Tóquio encerrou a sessão de sexta-feira em alta de 3,88%.

Assine nossa newsletter

Receba conteúdos exclusivos direto na sua caixa de entrada.

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fonte confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!