Você está aqui: Página Inicial / Sociedade / Mulheres protestam contra cultura do estupro

Sociedade

Feminismo

Mulheres protestam contra cultura do estupro

por Deutsche Welle publicado 02/06/2016 10h53, última modificação 02/06/2016 11h11
Atos contra o abuso sexual e o machismo reuniu milhares de mulheres por todo o Brasil
Lucas Landau/Facebook
CapturadeTela2016-06-02às10.51.16.png

Caso de estupro coletivo no Rio de Janeiro impulsionou movimentos contra a cultura do estupro

Milhares de mulheres protestaram nesta quarta-feira em diversas cidades brasileiras contra o abuso sexual e a cultura do estupro que criminaliza as vítimas e isenta os agressores. O protesto foi convocado após o estupro de uma adolescente no Rio de Janeiro que chocou o país.

No Rio de Janeiro, a marcha reuniu mais de 2 mil mulheres no centro da cidade. As manifestantes levaram cartas com dizeres como "não é não", "o machismo mata", "se trata de violência, não de sexo". As mulheres caminharam pela Avenida Presidente Vargas.

Em São Paulo, o ato, chamado Por todas Elas, foi convocado pelas redes sociais e reuniu centenas de mulheres em frente ao Masp. As manifestantes condenaram o machismo, a misoginia e defenderam os direitos femininos.

As manifestantes caminharam pela Avenida Paulista até a Praça Roosevelt. Durante a marcha, algumas gritaram "Machistas, golpistas, não passarão" e "O corpo é da mulher e ela dá para quem quiser".

 

 

Mexeu com uma, mexeu com todas #PorTodasElas #MulheresNaLuta pic.twitter.com/65W5mv25Zv

— daniela arrais (@daniarrais) 1 de junho de 2016

"a nossa luta é todo dia, somos mulheres e não mercadoria", elas gritam. #PorTodasElas #NaoaCulturadoEstupro pic.twitter.com/SUUw7G5Qnw

— Ludimila Honorato (@ludihonorato) 1 de junho de 2016

 

Agora na av paulista - é pela vida das mulheres #EstuproNuncaMais #PorTodasElas pic.twitter.com/3ganpVCBnA

— Claudia C.B (@claudiacb_) 1 de junho de 2016

 

Por nós! #NãoÉCulpaDela #PorTodasElas (@ Esquina Democrática in Porto Alegre, RS) https://t.co/NhfqQnzbZ2 pic.twitter.com/VxmhwGCz6E

— Joelma Terto (@joelmaterto) 1 de junho de 2016

 

Ato "Por todas elas (nós)"! #portodaselas pic.twitter.com/j6mDqqkzuE

— Bárbara Bárcia (@barbarabarcia) 1 de junho de 2016

 

Só li verdades, parte 2 #PorTodasElas #MulheresNaLuta pic.twitter.com/ubNN96cUlD

— daniela arrais (@daniarrais) 1 de junho de 2016

 

 

Logo DW

registrado em: ,