Você está aqui: Página Inicial / Internacional / Hitler, Stalin, Trotsky, Freud e Tito moraram no mesmo lugar em 1913

Internacional

História

Hitler, Stalin, Trotsky, Freud e Tito moraram no mesmo lugar em 1913

por Redação Carta Capital — publicado 18/04/2013 12h40, última modificação 06/06/2015 18h42
Os líderes da Revolução Russa eram fugitivos em Viena, enquanto Hitler ainda tentava estudar pintura. Freud já era uma figura famosa

Uma reportagem publicada nesta quinta-feira 18 pelo site da tevê britânica BBC levantou um fato histórico inusitado. Em um determinado período de tempo no ano de 1913, cinco figuras que tiveram papéis determinantes na história do século XX moravam no mesmo local, Viena, então capital do Império Austro-Húngaro, hoje capital da Áustria: Adolf Hitler, Joseph Stalin, Leon Trotsky, Sigmund Freud e Joseph Tito.

Trostky, um dos líderes da Revolução Russa de 1917, e Stalin, que assumiria o poder na União Soviética após a morte de Lênin, estavam na Áustria como exilados da Rússia czarista, regime que derrubariam anos mais tarde. Freud, que desde o início do século XX era conhecido como o homem que revolucionou a psicanálise, era uma figura conhecida na cidade. Hitler, que viria a se tornar o ditador da Alemanha e deflagrar a Segunda Guerra Mundial, ainda era um jovem tentando estudar pintura em Vienna. Tito, que lideraria os partisans iugoslavos na Segunda Guerra e se tornaria o ditador da Iugoslávia após o conflito, era um trabalhador de uma siderúrgica.

À BBC, Charles Emmerson, autor do livro 1913: In Search of the World Before the Great War (em tradução livre 1913: Em busca do Mundo Antes da Grande Guerra) afirma que a comunidade intelectual era muito pequena na Viena daquela época, o que favorecia a troca de experiência por meio de fronteiras culturais entre as 15 nações que formavam o Império e também outros povos europeus. Isso, disse Emmerson, favorecia a chegada de dissidentes políticos e fugitivos. "Você não tinha um estado central tremendamente poderoso, ele era um pouco desastrado", diz. "Se você quisesse achar um lugar para se esconder na Europa onde pudesse encontrar muitas pessoas interessantes, Viena seria uma boa escolha", afirma.

Além dessas figuras, viviam na Viena daquele período outras pessoas importantes para a história do século XX, como o físico Erwin Schrödinger e os economistas Ludwig von Mises e Frederick Hayek.

registrado em: ,