Você está aqui: Página Inicial / Internacional / Desvalorização da moeda gera protestos e confrontos em Teerã

Internacional

Irã

Desvalorização da moeda gera protestos e confrontos em Teerã

por AFP — publicado 03/10/2012 10h46, última modificação 03/10/2012 10h49
Centenas de policiais obrigaram casas de câmbio a fechar as portas após a moeda do iraniana perder 80% do valor em um ano
Irã

Centenas de policiais foram enviados ao bairro de Ferdousi e obrigaram as casas de câmbio a fechar as portas. Foto: ©AFP / Atta Kenare

TEERÃ (AFP) - A intervenção da polícia nesta quarta-feira 3 no centro de Teerã, onde ficam as principais casas de câmbio da capital iraniana, provocou protestos e confrontos.

Centenas de policiais foram enviados ao bairro de Ferdousi e obrigaram as casas de câmbio a fechar as portas após a forte desvalorização da moeda do Irã, o rial.

Várias pessoas atiraram pedras contra as forças de segurança, segundo testemunhas. Manifestantes foram detidos e alguns colocaram fogo em latas de lixo, o que provocou uma fumaça intensa na região.

"Fechamos as portas por causa da operação policial para prender os revendedores ilegais", disse à AFP um comerciante oficial de Ferdousi.

A porta-voz do Departamento de Estado americano, Victoria Nuland, afirmou na segunda-feira que a histórica desvalorização da moeda iraniana, que perdeu 80% em um ano, demonstra o "êxito" das sanções internacionais impostas ao Irã por seu programa nuclear.

O Irã nega as acusações das potências ocidentais sobre o possível uso militar de seu programa nuclear e afirma enriquecer urânio para produzir energia elétrica e isótopos médicos, usados para diagnosticar certos tipos de câncer.

Leia mais em AFP Móvil

registrado em: ,