Você está aqui: Página Inicial / Cultura / 'Morrer é uma coisa que se deve deixar sempre pra depois'

Cultura

Millôr (1924 - 2012)

'Morrer é uma coisa que se deve deixar sempre pra depois'

por Redação Carta Capital — publicado 28/03/2012 18h34, última modificação 28/03/2012 19h58
Relembre esta e outras frases inesquecíveis de Millôr Fernandes sobre política, sexo, gastronomia, economia e a humanidade
millor-fernandes

Millôr Fernandes em 2006. Jornalista, escritor, dramaturgo, tradutor e chargista, foi um dos principais nomes da imprensa brasileira do século XX. Foto: Ricardo Moraes/Folhapress

Escrever sobre Millôr Fernandes não é tarefa fácil. Escritor ou jornalista? Chargista ou humorista? Tradutor ou dramaturgo? São muitas as facetas. Mas escolher as melhores frases e pensatas feitas pelo guru do Méier, como ele se definia, talvez seja a missão mais inglória - e isso serve de aviso para os candidatos a biógrafos do artista.

Millôr inventou, além do frescobol (que jurava ser cria dele), frases curtas, certeiras e inesquecíveis – isso num tempo em que Twitter era só pio de passarinho (em inglês).

Em seu site oficial, hospedado no portal UOL, Millôr contava sua vida de modo seco, entre o cômico e o azedo. Até para narrar o episódio da morte da mãe, quando só tinha dez anos: “Sozinho no mundo tive a sensação da injustiça da vida e concluí que Deus em absoluto não existia”.

Para homenagear o autor, CartaCapital selecionou algumas das mais famosas frases escritas pelo artista morto na terça-feira 27, aos 88 anos (leia mais ). Mas lembre-se: é só aperitivo. Millôr, definitivamente, não é definitivo.

 

 

POLÍTICA

Faço questão que o ministro brasileiro me batize nas águas do Rio Jordão, em Israel. Cada um tem o São João Batista que merece

Imprensa é oposição. O resto é armazém de secos e molhados

Pra acabar com o desemprego, o Planalto tem que, primeiro, acabar com o desentrabalho

Quem se curva diante dos opressores mostra o traseiro para os oprimidos

Enquanto o Lula só fala no futuro, nós aqui repetimos: o Brasil tem um gigantesco passado pela frente

O Brasil é um filme pornô com trilha de Bossa Nova

De todos os países do mundo, o Brasil é o mais rico em pobres

 

HUMANIDADE

O homem é um animal inviável

Nunca ninguém perdeu dinheiro apostando na desonestidade

A Justiça é um sistema de leis legalizando a injustiça

Como são admiráveis as pessoas que não conhecemos muito bem

O homem é o único animal que ri

Às vezes você está discutindo com um imbecil... e ele também.

Quem avisa é fofoqueiro

Não há canalhas nos cemitérios

 

ECONOMIA

O aumento da canalhice é o resultado da má distribuição de renda

Quando acabarmos de comer o queijo vamos distribuir ao povo todos os buracos

Banqueiro que tem escrúpulos em ganhar dinheiro de qualquer maneira é um traidor da classe

Nunca tantos deveram tanto a tão porcos

O Balanço é uma mentira contábil

Quem trabalha não tem tempo de ganhar dinheiro

 

CIÊNCIA E RELIGIÃO

Está bem que você acredite em Deus. Mas vai armado

Não existe pensador católico. Não existe pensador marxista. Existe pensador. Preso a nada

Fiz três revoluções, todas perdidas. A primeira contra Deus, e ele me venceu com um sórdido milagre

Fobia é um medo com PhD

Especialista é o que só não ignora uma coisa

 

SEXO

Na casa do vizinho sempre sobra excitação

De todas as taras sexuais, não existe nenhuma mais estranha do que a abstinência

Sensualidade é aquilo que antigamente havia no ato sexual

Uma casa fechada é uma casa aberta a todas as práticas

A promiscuidade só existe quando uma mulher - homem não! - perde a conta do número de homens com quem esteve

Antes de Freud o sexo era um pecado maravilhoso. Agora é um enrolo tedioso

 

MEIO AMBIENTE

Preservar a Amazônia é mole. É só, antes, reflorestar a cabeça dos madeireiros.

 

FILOSOFIA DE VIDA

A alma enruga antes da pele

O otimista não sabe o que o espera

Nunca deixe pra amanhã o que pode deixar hoje

Em dúvida, blefe

Metafísico é o sujeito que demonstra a existência de uma coisa que não existe

 

CULTURA

Os eruditos tiveram apenas que proibir o povo de falar errado

Antigamente os animais falavam. Hoje escrevem

Ontem, ontem tinha agá, hoje não tem. Hoje ontem tinha agá e hoje, como ontem, também tem

 

GEOGRAFIA

No Brasil o sol nasce pra todos. A chuva, só pro sul do país

Na alta do mar até rio afoga

 

TECNOLOGIA

O relógio é um aparelho movido a infinito

Internet. Aberta pro mundo, alheia ao que a faz.

Meu primeiro computador: um XT a vapor, considerado por muitos uma extraordinária peça de ficção científica

Só depois que a tecnologia inventou o telefone, o telégrafo, a televisão, a internet, foi que se descobriu que o problema de comunicação mais sério era o de perto

A televisão é uma maravilha tequinológica (sic) que levou ao extremo o barateamento da popularidade

Três coisas que derrotam os computadores: estrelas no céu, grão de areia na praia, idiotas no mundo

 

GASTRONOMIA

Abacate, com açúcar, é considerado a fruta mais doce do Brasil

O ovo frito de hoje anula o galeto de amanhã

 

VIDA E MORTE

Nenhum humorista atira pra matar

A juventude é mais bonita quando o cara fica velho

Sempre me achei um homem totalmente livre; mas ontem um guarda me convenceu do contrário

Depois de morrer meus descendentes poderão dizer com orgulho: "Ele não fez nada que merecesse a Ordem do Mérito!"

Quando um cara fica velho é pro resto da vida. E cada dia fica mais velho

Todo homem nasce original e morre plágio

Morrer é uma coisa que se deve deixar sempre pra depois

De madrugada esta minha avenida, tão comprida, desemboca no além

registrado em: