Você está aqui: Página Inicial / Sociedade / PSOL faz protesto em frente ao escritório de Ronaldo

Sociedade

Copa do Mundo

PSOL faz protesto em frente ao escritório de Ronaldo

por Redação — publicado 05/06/2014 11h55, última modificação 05/06/2014 12h00
Grupo da juventude do partido fez manifestação contra o ex-jogador, defensor de agressão a "vândalos" que protestem contra a Copa
Reprodução/Juntos
Ronaldo

Protesto em frente ao escritório do ex-jogador Ronaldo

Militantes do Juntos!, grupo de jovens do PSOL, fizeram protesto em frente ao escritório do ex-jogador Ronaldo na zona oeste de São Paulo na manhã desta quinta-feira 5. Integrante do Comitê Organizador Local da Copa do Mundo, o maior artilheiro da história das Copas tem feito críticas aos manifestantes que questionam o evento. Em entrevistas, Ronaldo disse que a Copa “não se faz com hospitais” e também afirmou que a polícia deveria “baixar o cacete em vândalos" que protestassem contra o evento.

Em nota, o movimento lembrou as declarações do Ronaldo e afirmou que fará mais protestos durante a Copa. “Queremos mostrar ao mundo que o verdadeiro gol de placa que o Brasil poderia marcar seria dar aos investimentos sociais a mesma prioridade que foi dada à Copa. Da mesma forma, não aceitamos qualquer tipo de criminalização dos movimentos que lutam para desnudar as injustiças do evento da FIFA. Figuras de grande prestígio e apelo popular que se colocam na defesa dos interesses mais escusos e autoritários serão desmascaradas”, diz comunicado do movimento.

registrado em: , ,