Você está aqui: Página Inicial / Revista / Especial Eleições / Multa por desvios no governo Maluf vira creche com Haddad
Número 823,

Política

“Rouba, mas faz”

Multa por desvios no governo Maluf vira creche com Haddad

por Redação — publicado 28/10/2014 18h25
O Deutsche Bank terá de pagar multa de 20 milhões de dólares por facilitar desvios de Maluf nas obras do túnel Ayrton Senna e avenida Jornalista Roberto Marinho
Arte: CartaCapital

A Justiça aprovou o acordo selado entre a Prefeitura de São Paulo e o Ministério Público Estadual para o alemão Deutsche Bank repassar aos cofres públicos 20 milhões de dólares. O valor é referente à indenização imposta à instituição por ter movimentado recursos oriundos de desvios praticados pelo ex-prefeito Paulo Maluf nas obras do Túnel Ayrton Senna e da Avenida Jornalista Roberto Marinho, entre 1993 e 1996. Em troca da garantia de não ser alvo da ação judicial, o banco deverá pagar a multa nos próximos 45 dias.

A maior parte da quantia, 18 milhões de dólares, irá direto para os cofres da prefeitura. Segundo o prefeito Fernando Haddad, o dinheiro será utilizado na construção de creches na cidade. Outro 1,5 milhão de dólares vai para o governo estadual e 200 mil dólares serão utilizados pelo Ministério Público para o pagamento de perícias e despesas das ações de improbidade em andamento contra Maluf.

registrado em: ,