Você está aqui: Página Inicial / Revista / A misteriosa ascensão da Friboi / A crônica familiar de Ettore Scola
Número 803,

Cultura

Cinema

A crônica familiar de Ettore Scola

por Orlando Margarido — publicado 10/06/2014 04h29
Nada surge casual no bem articulado "Que Estranho Chamar-se Fellini"
Arquivo Cinema/Latinstock
Fellini

Foi preciso unir ficção e documentário para dar conta do homenageado, Fellini

Que Estranho Chamar-se Fellini
Ettore Scola

Nada surge casual no bem articulado e afetivo Que Estranho Chamar-se Fellini, estreia desta quinta 5. A começar pela confluência de gêneros, o documental revestido de ficção para dar conta do homenageado. Não poderia ser diferente no caso de Federico Fellini e de quem se dedica a recontar sua trajetória, Ettore Scola, que aqui antes de ser outro grande cineasta foi amigo e companheiro de juventude profissional. As associações a partir daí são diversas. Os versos de abertura relativos ao título são de outro Federico, o espanhol García Lorca, figura que padeceria com o fascismo, assim como os protagonistas do filme na Itália de Mussolini. Fellini e Scola se conheceram na publicação satírica Marc’Aurélio nos anos 40. Dali sabemos a carreira que inscreveriam no imaginário cinematográfico.

Scola filma essa crônica em família, como a confirmar o forte laço. Sua filha, Silvia, é a roteirista e responsável pelo raro material de acervo. Dois netos interpretam os realizadores na juventude. Depois, o próprio Scola se deixará representar adulto nos passeios por uma Roma noturna, em que o colega conversava com malandros, bêbados e prostitutas, seus personagens prediletos. Entre uma visita a Cinecittá e uma cena de filmagem de La Dolce Vita, na qual um burocrata o confunde com Rossellini, há passagens saborosas como dos testes com atores famosos para Casanova. Dispensou Alberto Sordi e Vittorio Gassman por Donald Sutherland, embora pensasse em Marcello Mastroianni, seu maior parceiro. Este não pôde e mais tarde foi interpretar o amante para Scola, prova mais uma vez da afinidade de ambos.

registrado em: ,