Você está aqui: Página Inicial / Política / Rui Falcão é reeleito presidente nacional do PT

Política

Política partidária

Rui Falcão é reeleito presidente nacional do PT

por Redação — publicado 12/11/2013 17h09
A principal tarefa de Falcão será unir o partido para reeleger a presidenta Dilma Rousseff em 2014, além de construir um programa que atenda às necessidades da nova classe média
Luciana Santos
Rui Falcão

Rui Falcão ao lado de Florisvaldo Souza, Secretário Nacional de Organização do partido, em entrevista coletiva nesta terça-feira 12

O deputado estadual e atual presidente do PT, Rui Falcão, foi reeleito para permanecer mais quatro anos à frente do partido, de acordo com os resultados do Processo de Eleição Direta (PED) da sigla realizado em todo o País no domingo 10. Até o momento, mais de 80% das urnas haviam sido apuradas e Falcão contava com 70,16% da preferência dos eleitores, contra 19,79% do concorrente Paulo Teixeira, também deputado federal e atual secretário-geral do partido.

Na campanha, Falcão teve apoio da presidenta Dilma Rousseff e do ex-presidente Lula, principal articulador do processo de recondução do deputado ao cargo. A principal tarefa de Falcão, agora, será a de unir o partido para reeleger governadores e ampliar a bancada de senadores e deputados, além de construir um programa que atenda às necessidades da nova classe média.

Em vídeo divulgado pela sua conta oficial no Twitter na tarde desta terça-feira 12, Rui Falcão agradece a todos os filiados do partido que compareceram às eleições e à confiança depositada nele e nas chapas que o apoiavam.

"Que partido no mundo mobiliza mais de 400 mil filiados para elegerem os seus dirigentes em todos os níveis? O momento agora é de construir unidade partidária, nos dirigir de forma mais enfática para a juventude, para os movimentos sociais, e para isso eu conclamo a todos os companheiros e companheiras que nos apoiem pra criarmos uma direção coletiva, forte, voltada para as tarefas que nós temos pela frente e principalmente para que estejamos muito junto em 2014 para reeleger a presidenta Dilma."

Assista ao vídeo completo: