Você está aqui: Página Inicial / Política / Nota de risco da Itália é rebaixada

Política

Economia

Nota de risco da Itália é rebaixada

por Brasil Econômico — publicado 19/09/2011 21h00, última modificação 19/09/2011 21h11
Standard & Poor's reduziu rating do país de A+ para A, o que pode elevar preocupação de contágio na Zona do Euro

A Standard & Poor's reduziu o rating da Itália de "A+" para "A" e manteve sua perspectiva negativa. A ação da agência de classificação de risco pode elevar a preocupação de contágio no cenário de dívida na Zona do Euro.

Em comunicado, a S&P explicou que o corte reflete a fraqueza nas perspectivas de crescimento econômico da Itália, bem como a frágil coalizão do governo e as diferenças políticas dentro do Parlamento, que continuarão limitando a capacidade do governo para responder decisivamente aos desafios domésticos e externos, informou.

"Em nossa opinião, as medidas incluídas e o cronograma de implementação do Plano de Reforma Nacional provavelmente farão pouco para melhorar a performance econômica da Itália, particularmente num cenário de condições financeiras mais apertadas e de programa de austeridade fiscal do governo", informou a S&P.

A medida da S&P surpreendeu o mercado, que pensava que a agência Moody's cortaria a nota da Itália antes. Na semana passada, a Moody's informou que a revisão da Itália levaria outro mês para ser concluída.

*Publicado originalmente em Brasil Econômico.

registrado em: