Você está aqui: Página Inicial / Política / Ministério suspende licitações

Política

Transportes

Ministério suspende licitações

por Agência Brasil publicado 06/07/2011 09h57, última modificação 06/07/2011 16h09
A pasta divulgou nota dizendo que o ministro Alfredo Nascimento aceitou convite do Senado para dar explicações

Por Sabrina Craide*

O Ministério dos Transportes divulgou na terça-feira 5 uma nota informando que foram suspensas por 30 dias todas as licitações de projetos, obras e serviços de engenharia que estão em curso no momento. Também foi determinada a suspensão de aditivos com impacto financeiro, exceto os que forem inadiáveis e “cuja paralisação possa comprometer a segurança de pessoas e o patrimônio da União”.

Leia também:

A determinação partiu do ministro dos Transportes, Alfredo Nascimento, que expediu um ofício ao diretor-geral substituto do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), José Sadok de Sá, e ao diretor-presidente interino da Valec, Antônio Felipe Sanchez Costa. Os dois foram nomeados em lugar de servidores afastados por causa de denúncias de irregularidades na pasta.

Na mesma nota, Alfredo Nascimento informou ainda que aceitou o convite para participar na próxima terça-feira 12 de audiência no Senado para esclarecer sobre a atuação do Ministério dos Transportes. No último sábado 2, quatro servidores do governo foram afastados temporariamente por terem sido citados em reportagem da revista Veja, que diz haver um esquema no Ministério dos Transportes de pagamento de propina para integrantes do PR, partido do ministro, em troca de contratos de obras.

*Matéria publicada originalmente em Agência Brasil  

registrado em: