Você está aqui: Página Inicial / Política / Manifestantes realizam 'beijaço' contra Levy Fidelix

Política

LGBT

Manifestantes realizam 'beijaço' contra Levy Fidelix

por Redação — publicado 30/09/2014 18h20, última modificação 30/09/2014 20h46
Ativistas protestam no Masp, em São Paulo, após candidato do PRTB à Presidência declarar que é preciso combater homossexuais
José Antonio Lima
Beijaço

Manifestantes realizam, nesta terça-feira 30, um "beijaço" em protesto contra o candidato à Presidência do PRTB, Levy Fidelix, no vão do Museu de Arte de São Paulo (Masp), na capital paulista. Isso porque o presidenciável defendeu, durante debate realizado pela TV Record, no último domingo 26, que é "preciso combater" os homossexuais. A afirmação foi feita em resposta à candidata Luciana Genro (PSOL) que questionou a opinião do candidato a respeito do casamento gay. Como argumentos, Fidelix afirmou também que "aparelho excretor não reproduz" e que "dois iguais não fazem filho".

Antes de terminar sua resposta, o candidato ainda fez uma alusão à ligação entre a pedofilia e a homossexualidade em seu discurso. O vídeo com a resposta completa pode ser assistido aqui. Os manifestantes carregaam faixas pedindo para que Levy não esteja presente no debate da Rede Globo, que será realizado nesta quinta-feira 2.

Nesta segunda-feira 29, o deputado federal Jean Wyllys (PSOL) declarou que entrou junto com Luciana Genro com uma ação no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) pedindo a punição de Fidelix por ter incitado o ódio e a violência contra a população LGBT.

CartaCapital