Você está aqui: Página Inicial / Política / Lula minimiza voto de Jobim em Serra

Política

Sem mágoas

Lula minimiza voto de Jobim em Serra

por Redação Carta Capital — publicado 29/07/2011 16h53, última modificação 29/07/2011 17h17
Ex-presidente disse, em evento com o ministro nesta sexta-feira 29, no Rio, que peemedebista foi escolhido por seu potencial

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou nesta sexta-feira 29 que considera irrelevante o fato de o ministro da Defesa, Nelson Jobim (PMDB), ter votado em José Serra em 2010. Jobim revelou a sua escolha na disputa presidencial na terça-feira 26, em entrevista ao jornal Folha de S.Paulo.

No Rio de Janeiro para uma palestra a integrantes das forças armadas brasileiras na Escola Superior de Guerra, que contou com a participação do próprio Jobim, Lula disse que o ministro foi convidado para o seu governo “pelo que poderia fazer no Ministério da Defesa”. “Está cheio de gente que votou no Serra e não gosta mais dele ou que votou em mim e não gosta mais de mim”, disse, à Agência Brasil.

A declaração de Lula vai de encontro à reação de ministros e petistas nos bastidores do Planalto, enquanto começam as especulações sobre quanto tempo Nelson Jobim ainda resistirá no cargo.

No evento, Lula também elogiou a forma como a presidenta Dilma Rousseff lidou com as suspeitas de corrupção no Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) e negou ter a intenção de se candidatar à presidência em 2014, como afirmou o tucano José Serra, em entrevista ao jornal espanhol El País. “Dilma só não concorrerá à reeleição se não quiser. Mas acho que ela não está preocupada com isso, quer trabalhar e mostrar sua competência”, afirmou.

registrado em: