Você está aqui: Página Inicial / Política / Eduardo Cunha é eleito em primeiro turno presidente da Câmara

Política

Eduardo Cunha é eleito em primeiro turno presidente da Câmara

por Redação — publicado 01/02/2015 20h46, última modificação 01/02/2015 21h07
Autor de projetos como o Dia do Orgulho Heterossexual recebeu 267 votos em eleição definida em primeiro turno
Agência Brasil

O deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ ) foi eleito para a Presidência da Câmara com 267 votos no domingo 1º. O candidato Arlindo Chinaglia (PT-SP ) teve 136 votos, Júlio Delgado (PSB-MG) obteve 100 votos e Chico Alencar (PSOL-RJ) conquistou 8 votos. Dois deputados votaram em Branco. Eduardo Cunha exercerá o comanda da Câmara nos dois próximos anos.

A eleição foi definida em primeiro turno porque Cunha obteve mais que a metade mais um dos votantes. Todos os 513 deputados votaram no pleito.

Autor de projetos como o Dia do Orgulho Heterossexual e que regulamenta cadeia de até 10 anos para médicos que auxiliarem mulheres a fazer aborto, Cunha é considerado um dos parlamentares mais conservadores da base aliada do governo. O deputado do PMDB afirmou ainda ser contra a regulação econômica dos meios de comunicação: "Regulamentação de mídia jamais. Eu colocaria na gaveta".

Entusiasta do financiamento privado de campanha, o parlamentar recebeu R$ 6,8 milhões em doações de empresas como Vale, AmBev, Bradesco, Santander, Safra e Shopping Iguatemi.

*Com Informações da Agência Brasil