Você está aqui: Página Inicial / Política / Serra cancela agenda no RJ

Política

Eleições 2010

Serra cancela agenda no RJ

por Redação Carta Capital — publicado 21/10/2010 08h20, última modificação 21/10/2010 14h33
Em caminhada no Rio de Janeiro, José Serra é atingido por objeto não identificado e chama petistas de “tropa de choque nazista"

Em caminhada no Rio de Janeiro, José Serra é atingido por objeto não identificado e chama petistas de “tropa de choque nazista

Após cinco minutos de caminhada de José Serra em Campo Grande, zona  oeste do Rio, uma confusão foi armada entre militantes petistas e  tucanos. Serra revidou um xingamento de um militante do PT, a confusão se armou e o presidenciável foi atingido na testa por um objeto. Com o tumulto, Serra voltou para dentro da van que o havia conduzido ao  local. Minutos depois, retornou à caminhada.

Começou então na internet uma sucessão de versões para o tumulto.

No site do jornal O Globo o objeto seria “uma bobina de adesivos de papel”. A versão é do pastor Maurício Teixeira , que estava ao lado de Serra no momento, segundo a reportagem do diário carioca. No site da Folha de S.Paulo, também se falou em um rolo de adesivos. Para o site do Estadão, teria sido um “rolo de papelão”. Mas para a Veja foi  mais grave: na capa do site estava escrito “Serra é apedrejado por  petistas no Rio”. Logo em seguida, a versão foi mudada para “Serra é  agredido por petistas no Rio”. No corpo do texto, entretanto, a  “pedra” havia virado “um rolo de adesivos”.

Segundo Índio da Costa, candidato a vice de Serra, o rolo de adesivos foi tirado de um apoiador de Serra e arremessado contra ele.

Encaminhado a um hospital, Serra declarou não saber o que o atingiu e que ficou grogue com a pancada. Porém teve tempo e saúde para dizer:  “parece tropa de assalto. Já houve várias vezes em São Paulo. O PT tem tropa de choque, é automático. Não sei se foi de propósito ou não. Lembra da tropa de choque nazista? Isso é típico de movimentos fascistas”, disse o candidato tucano.

Atendido por um médico, que constatou não haver ferimento, Serra foi aconselhado a repousar porque sentia tonturas. Por conta disso, cancelou sua agenda.

registrado em: ,