Você está aqui: Página Inicial / Política / Camelôs do Brás voltam a protestar

Política

São Paulo

Camelôs do Brás voltam a protestar

por Agência Brasil publicado 26/10/2011 09h37, última modificação 26/10/2011 09h46
Manifestações começaram na segunda-feira 24. Vendedores ambulantes querem que prefeitura autorizem o trabalho deles nas calçadas

Por Marli Moreira*

Os vendedores ambulantes sem autorização para explorar o comércio das ruas da região do Brás, na zona leste, próximo ao centro da cidade de São Paulo, continuaram nesta quarta-feira 26 as manifestações de protesto iniciadas na noite da última segunda-feira 24. Com receio de que se repetissem as depredações de ontem 25, alguns lojistas decidiram manter seus estabelecimentos fechados.

A intenção dos camelôs é forçar a prefeitura a autorizar que eles vendam os seus produtos nas calçadas e outros espaços do concorrido comércio da região, mesmo sem ter a licença. Durante a madrugada, cerca de 300 manifestantes se concentraram em uma das principais ruas do bairro, a Oriente, e saíram em caminhada pacífica.

Mas por volta das 7h, os ânimos se exaltaram. Apesar de ter sido reforçada a segurança com a presença de 400 homens da Tropa de Choque da Polícia Militar, eles bloquearam algumas vias como o cruzamento da Avenida do Estado com a Rua São Caetano, jogaram lixo no meio das ruas e tentaram incendiar um ônibus. Para dispersá-los, os policiais usaram balas de borracha e bombas de efeito moral. Não houve registro de feridos.

*Matéria publicada originalmente na Agência Brasil

registrado em: