Você está aqui: Página Inicial / Política / Câmara instala grupo que discutirá reforma política

Política

Eleições

Câmara instala grupo que discutirá reforma política

por Redação — publicado 16/07/2013 16h59, última modificação 16/07/2013 17h15
O deputado petista Cândido Vaccarezza vai liderar os trabalhos para a elaboração da proposta em 90 dias para elaborar proposta
Agência Brasil
vaccarezza.jpg

Vaccarezza (PT-SP), que irá coordenar o grupo, e o presidente da Câmara, o peemedebista Henrique Alves, na reunião desta terça sobre o tema

O presidente da Câmara dos Deputado, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), instalou o grupo de trabalhos para elaborar uma proposta de reforma política. O deputado Cândido Vaccarezza (PT-SP) vai liderar os 14 deputados que farão, em 90 dias, um projeto em substituição ao original feito pela presidenta Dilma Rousseff.

O anúncio do nome de Vaccarezza causou impasse no PT, levando Henrique Fontana (PT-RS) a deixar o grupo. O deputado Ricardo Berzoini (PT-SP) deve ficar com a vaga para o partido na comissão, que trabalhará junto com Vaccarezza.

O anúncio foi feito nesta terça-feira 16 pelo presidente da Casa e a primeira reunião deve ocorrer nesta quarta-feira 17. Ele disse que PMDB defenderá o fim da reeleição e a proibição de financiamento de campanha direto para os candidatos. Segundo ele, as mudanças valeriam apenas para as eleições de 2018.Os outros temas e propostas que a comissão deve tratar ainda devem ser definidos.

Os outros deputados que fazem parte do grupo são Marcelo Castro (PMDB-PI), Marcus Pestana (PSDB-MG), Guilherme Campos (PSD-SP), Espiridião Amin (PP-SC), Luciano Castro (PR-RR), Rodrigo Maia (DEM-RJ), Júlio Delgado (PSB-MG), Miro Teixeira (PDT-RJ), Antonio Brito (PTB-BA), Leonardo Gadelha (PSC-PB),  a deputada Manuela D’Ávila (PCdoB-RS) e o deputado Sandro Alex (PPS-PR).

Com informações da Agência Brasil

registrado em: ,