Você está aqui: Página Inicial / Internacional / Fidel anuncia em Cuba renúncia a último cargo político

Internacional

Cuba

Fidel anuncia em Cuba renúncia a último cargo político

por Agência Brasil publicado 19/04/2011 09h52, última modificação 19/04/2011 09h52
A decisão de Fidel foi publicada na coluna denominada Minha Ausência no Congresso Comunista, cujos debates começaram no último final de semana, em Havana. Por Renata Girardi

Por Renata Giraldi*

Ex-presidente de Cuba (1976-2008) e líder da Revolução Cubana (1959), Fidel Castro, de 84 anos, anunciou nesta terça-feira 19 sua renúncia ao comando do Partido Comunista do país, último cargo político que ocupou por 46 anos. A decisão de Fidel foi publicada na coluna denominada Minha Ausência no Congresso Comunista (CC) – cujos debates começaram no último final de semana, em Havana.

As informações são da estatal Rádio Havana de Cuba. “Raúl [Castro] sabia que eu não aceitaria atualmente responsabilidade alguma no seio do partido”, disse Fidel, no artigo publicado hoje no site Cubadebate, justificando sua ausência nos debates do novo Comitê Central do Partido Comunista de Cuba (PCC), eleito nesta segunda-feira 18 no 6º Congresso do PCC.

Em 1965, Fidel assumiu como o primeiro secretário do Comitê Central do PCC, cargo que foi transmitido ao irmão Raúl Castro, que atualmente é o presidente de Cuba. Em fevereiro de 2008, Fidel anunciou sua saída da Presidência da República e passou o cargo a Raúl. Na época, ele alegou problemas de saúde.

registrado em: