Você está aqui: Página Inicial / Economia / Economia brasileira caiu 0,5% no terceiro trimestre

Economia

Economia brasileira caiu 0,5% no terceiro trimestre

por Redação — publicado 03/12/2013 09h20, última modificação 03/12/2013 10h16
Na comparação com igual período de 2012, houve expansão de 2,2%

O Produto Interno Bruto (PIB), a soma de todos os bens e serviços produzidos no país, caiu 0,5% no terceiro trimestre deste ano, em relação ao trimestre anterior, segundo dados divulgados nesta terça-feira 3 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Na comparação com o terceiro trimestre de 2012, o PIB teve uma expansão de 2,2%.

A queda de 0,5% é a pior desde o primeiro trimestre de 2009, quando houve recuo de 1,6%. O PIB havia se mantido estável no primeiro trimestre deste ano e crescido 1,8% no segundo trimestre. O resultado ruim do terceiro trimestre foi puxado pela agropecuária, que recuou 3,5% no período. A indústria e o setor de serviços mantiveram-se praticamente estáveis, com altas de 0,1%.

Entre os subsetores que formam a indústria, a extrativa mineral (2,9%) e eletricidade e gás, água, esgoto e limpeza urbana (0,9%) apresentaram resultados positivos. Em contrapartida, houve recuos na indústria de transformação (-0,4%) e na construção civil (-0,3%). Nos serviços, houve crescimento em transporte, armazenagem e correio (0,8%), administração, saúde e educação pública (0,8%) e serviços de informação (0,7%). O comércio (0,0%) ficou estável. As demais atividades apresentaram recuo do volume em relação ao trimestre anterior: outros serviços (-0,4%), intermediação financeira e seguros (-0,2%) e atividades imobiliárias e aluguel (-0,2%).

Comparação com 2012

O PIB de janeiro a setembro de 2013 cresceu 2,4%, em relação a igual período de 2012, com altas na agropecuária (8,1%), na indústria (1,2%) e nos Serviços (2,1%). Já o crescimento do PIB acumulado em quatro trimestres, após atingir 0,9% no terceiro trimestre de 2012, acelerou até alcançar 2,3% no terceiro trimestre de 2013, com elevações na agropecuária (5,1%), na indústria (0,9%) e nos serviços (2,3%).

No terceiro trimestre de 2013, PIB chega a 1,2 trilhão

O PIB no terceiro trimestre de 2013 alcançou R$ 1.213,4 bilhões. A taxa de investimento no terceiro trimestre de 2013 foi de 19,1% do PIB, superior à taxa referente a igual período do ano anterior (18,7%). Esse aumento foi influenciado, principalmente, pelo crescimento, em volume, da formação bruta de capital fixo no trimestre. A taxa de poupança ficou em 15% no terceiro trimestre de 2013 (ante 15,3% no mesmo trimestre de 2012).

Com informações da Agência Brasil e do IBGE

registrado em: