Você está aqui: Página Inicial / Colunistas / Roberto Amaral

Colunistas

Roberto Amaral

Roberto Amaral

Cientista político, ex-ministro da Ciência e Tecnologia e ex-presidente do PSB. Autor de Socialismo, morte e ressurreição (ed. Vozes)

Debate no Rio de Janeiro

A história mostra que não haverá vitórias particulares no campo progressista e que só a unidade pode gerar resultados efetivos

O ex-presidente Lula em Natal

A regra dos Estados autoritários, em todos os tempos, é sempre a mesma: escolhe-se o inimigo, decidem-se as penas e depois, ‘julga-se’.

Pedido de impeachment de Gilmar Mendes

Um dos elementos mais constrangedores da crise política-institucional é a partidarização do Judiciário

Fora, Temer

Em breve, o ‘Diretas-já’ de 2016 poderá se tornar uma reivindicação popular de consequências imprevisíveis

Senado

O projeto não é simplesmente depor uma presidente sem maioria congressual, mas instaurar um governo conservador rejeitado nas urnas

Senado

Pais-da-pátria como Cristovam Buarque e Romero Jucá vão consagrar o defenestramento de Dilma Rousseff

Luiz Inácio Lula da Silva

A intenção é uma só: mandar aos trabalhadores o recado de que precisam conhecer o seu lugar e deixar de almejar o poder

Gilmar Mendes

A elites econômicas sempre tiveram a seu dispor juristas competentes para "corrigir" o processo eleitoral

Protesto em frente ao STF

Desgraçadamente, estamos à mercê de um Executivo sem legitimidade, um Legislativo sem representação e um Judiciário que não cumpre o dever de julgar

Cristovam Buarque

Diante do atual cenário, como pode um parlamentar, liberal ou de centro-esquerda, ter dúvidas sobre que decisão tomar?

O presidente da Câmara Rodrigo Maia com o presidente interino Michel Temer

O sistema partidário, atingido pela inautenticidade e pela renúncia a qualquer ordem de opção ideológica, está arruinado

José Serra e Michel Temer

Com o tucano, ressurge a visão conservadora, travestida de moderna e pragmática, de um Brasil inevitavelmente dependente

Ulysses Guimarães e a Constituição de 1988

Temos todos os motivos (e comungamos de todos os deveres) para defender a legalidade democrática

Temer e ministros

A falência do sistema de partidos e do processo eleitoral leva à crise dos poderes, a dirigentes ilegítimos e à agonia da democracia

Michel Temer e Paulo Skaf

Temer é uma contingência que, brevemente, não passará de pedra secundária numa partida de xadrez

O presidente interino Michel Temer

Há pressa no governo interino de atingir seus objetivos reacionários, antipopulares e antinacionais

Michel Temer

Sem legitimidade, sem voto e sem popularidade, o vice enfrentará, logo, o descontentamento profundo

Celso de Mello

É irrelevante a afirmativa de que a figura do impeachment está prevista na Constituição Federal

Manifestante

Ironicamente, deve-se à direita a reaglutinação das forças de esquerda

O relator do impeachment Jovair Arantes

A deposição não realiza o golpe todo: ela é o ponto de partida para uma mudança contra o pronunciamento majoritário da soberania brasileira

Os ministros do STF em 1965

Independentemente do desfecho da crise política, ficará a fratura da crise de legitimidade que corrói os poderes da República e ameaça a democracia

Ato contra o golpe na São Francisco

De um lado, a defesa de um estado desenvolvimentista, social e democrático. Do outro, o estado neoliberal autoritário, antipopular e antinacional

Dilma Rousseff

O governo precisa de um novo rumo, e deve iniciá-lo denunciando o golpe do qual é vítima

Lula e Dilma

Fragilizados o governo e as estruturas partidárias de esquerda, o ex-presidente Lula se afigura como o último obstáculo

Zwi Skornicki

As violações aos direitos do criminoso de colarinho branco homologam as violências maiores diariamente praticadas contra os pobres