Você está aqui: Página Inicial / Blogs / Parlatório / PSOL conquista a segunda maior bancada no Rio

Política

Eleições 2016

PSOL conquista a segunda maior bancada no Rio

por Redação — publicado 03/10/2016 17h06
Embalado pela campanha de Freixo, partido elegeu seis vereadores. Apesar de encolher, PMDB segue na liderança, com 10 parlamentares
Reprodução/Facebook
Tarcísio Motta

Ao lado de Freixo na campanha, Tarcísio Motta conquistou 90.387 votos e foi segundo vereador mais votado do Rio de Janeiro

O PMDB manteve a maior bancada da Câmara Municipal do Rio de Janeiro, com dez vereadores eleitos no domingo 2, cerca de 20% dos 51 integrantes da Casa. Apesar disso, o partido perdeu bastante representatividade, já que atualmente o PMDB tem 18 vereadores.

A grande novidade do legislativo carioca é o PSOL, que conquistou o segundo maior número de parlamentares: seis. O maior puxador foi Tarcísio Motta, segundo vereador mais votado da capital fluminense, com 90.387 votos. Outro destaque é Marielle Franco, quinta colocada no ranking, com 46.467 votos.

O PSOL também está no segundo turno das eleições para a prefeitura do Rio de Janeiro. Marcelo Freixo obteve 18,26% dos votos válidos e vai enfrentar nas urnas o ex-ministro Marcelo Crivella (PRB), que alcançou 27,78% dos votos e é ligado à Igreja Universal do Reino de Deus.

Com um dos programas eleitorais mais curtos desta eleição (apenas 11 segundos no rádio e na tevê), Freixo desbancou seu principal adversário, Pedro Paulo, que tinha a máquina a seu favor: candidato do atual prefeito Eduardo Paes, o peemedebista obteve 16,12% dos votos válidos.

A terceira maior bancada da Câmara do Rio é do DEM, que elegeu quatro vereadores.

Quatro partidos políticos elegeram três representantes nessas eleições: PSC, PRB, PSDB e PTB. Sete partidos conseguiram duas cadeiras na Câmara: PP, SD, PT, PDT, PHS, PSD e PMN. Completam a composição da Casa, com um vereador cada, o Novo, PEN, PROS, PTN e PTdoB.