Você está aqui: Página Inicial / Blogs / Midiático / Alemanha 7 x 1 Brasil: as capas dos jornais

Sociedade

Copa do Mundo

Alemanha 7 x 1 Brasil: as capas dos jornais

por Redação — publicado 09/07/2014 09h41
Como os jornais brasileiros e estrangeiros reagiram à humilhação da seleção brasileira
John MacDougall / AFP
Jornais

Capas de jornais da Alemanha registram a vitória histórica diante do Brasil

Se o Brasil tivesse um campeonato para escolher a melhor capa de um jornal para a Copa do Mundo, o Meia Hora, do Rio de Janeiro, seria campeão com louvor.

Após a humilhação suprema sofrida pela seleção brasileira no Mineirão, na terça-feira 8, o jornal carioca emplacou a manchete "Não vai ter capa", em alusão ao famigerado slogan "Não vai ter Copa" que precedeu a realização do mundial.

Conhecido pelas manchetes e capas satíricas, o Meia Hora afirmou que, diante da goleada de 7 a 1 para a Alemanha, hoje não conseguiria fazer capa.

Outros dois jornais que foram muito bem nas capas deste 9 de julho foram o A Tarde, de Salvador, e o Extra, também do Rio de Janeiro. O primeiro "enterrou" a seleção e se disse "morto de vergonha". O segundo parabenizou os vice-campeões de 1950, que até a terça-feira carregavam o título de donos da maior vergonha do futebol brasileiro.

Na Europa, os jornais esportivos também aproveitaram o vexame do Brasil para se regozijar. Abaixo, as capas do português A Bola, do italiano Corriere dello Sport ("Humilhados") e do espanhol AS.

Abaixo, o Marca, também da Espanha, e o argentino Olé, que ironizou a busca pelo hexacampeonato. O francês L'Equipe preferiu elogiar a Alemanha e o meia Toni Kroos, um dos melhores em campo: "Fantástico".

registrado em: , ,