Você está aqui: Página Inicial / Blogs / Carta nas Eleições / TSE volta atrás e libera site pró-Dilma

Política

Eleições 2014

TSE volta atrás e libera site pró-Dilma

por Agência Brasil publicado 18/09/2014 20h46, última modificação 18/09/2014 20h51
Reclamação originária foi encaminhada pela coligação Unidos pelo Brasil, da candidata Marina Silva (PSB)
Reprodução

Botão Eleições 2014O ministro Herman Benjamin, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), reconsiderou nesta quinta-feira 18 sua decisão e determinou a liberação do site mudamais.com, da coligação Com a Força do Povo, da candidata à reeleição Dilma Rousseff. Na terça-feira 16, o ministro determinou que página fosse retirada do ar, por considerá-la como propaganda eleitoral irregular.

Benjamin reviu a decisão após recurso apresentado pelo PT, que alegou ser o proprietário do site. “Por se tratar de irregularidades de natureza estritamente formal, autorizo, desde logo, a retomada do sítio eletrônico”, decidiu o ministro.

A reclamação originária foi encaminhada ao TSE pela coligação Unidos pelo Brasil, da candidata Marina Silva (PSB). Na primeira decisão, o ministro entendeu que a página deveria ser retirada ao ar por não  ter sido identificada como site oficial da campanha eleitoral de Dilma.