Você está aqui: Página Inicial / Blogs / Carta nas Eleições / Marina Silva: um sonho a menos

Política

São Paulo

Marina Silva: um sonho a menos

por Redação — publicado 23/09/2014 12h42, última modificação 23/09/2014 12h45
A presidenciável muda de ideia e aceita associar a sua imagem àquela do tucano Geraldo Alckmin, candidato à reeleição em São Paulo
Vagner Campos / MSILVA Online
Marina Silva

Marina Silva durante evento em São Paulo. Ela rejeitava a aliança com Alckmin, costurada por Eduardo Campos

Botão Eleições 2014Diante de sua queda nas pesquisas, Marina Silva (PSB) reviu seus princípios, em um movimento típico da “velha política”. A presidenciável, tudo indica, não se sente mais tão constrangida em abraçar alianças negociadas pelo falecido Eduardo Campos contra a sua vontade. O importante agora é garantir os votos que a levem ao segundo turno. Cerca de um mês e meio depois de se recusar a embarcar no avião que vitimou Campos para não se encontrar com Geraldo Alckmin (PSDB), governador de São Paulo, a ex-ministra autorizou os correligionários a distribuir panfletos nos quais sua imagem aparece ao lado daquela do tucano. Nasce a dobradinha “Geraldina”. Morre mais uma ilusão dos “sonháticos”.