Você está aqui: Página Inicial / Blogs / Carta nas Eleições / Eduardo Jorge e PV declaram apoio a Aécio

Política

Eleições 2014

Eduardo Jorge e PV declaram apoio a Aécio

por Redação — publicado 08/10/2014 16h54, última modificação 08/10/2014 22h22
Com 33 votos para Aécio, 6 para Dilma e 3 abstenções, o Partido Verde decidiu auxiliar tucano no segundo turno
Igo Estrela/Coligação Muda Brasil
08-10-2014-aeciopv-FotoIgoEstrela-1.jpg

Marconi Perillo (governador de Goiás), Geraldo Alckmin (São Paulo), Beto Richa (Paraná), Aécio Neves, Eduardo Jorge, Célia Sacramento (vice de Eduardo) e José Serra em ato de apoio ao tucano na noite dsta quarta-feira

O PV declarou apoio ao candidato tucano Aécio Neves no segundo turno destas eleições presidenciais. Em reunião na tarde da quarta-feira 8 em Brasília, a Executiva Nacional do partido deu 33 votos para Aécio e 6 para Dilma, além de 3 abstenções.

Entre os apoiadores de Aécio no partido, segundo o jornal O Globo, está Eduardo Jorge, que discursou a favor do tucano.  O candidato teve 630.099 votos no primeiro turno desta eleição, 0,6% do total.

Há quatro anos, o PV manteve-se neutro no segundo turno. O partido abrigava a candidatura de Marina Silva, que conseguiu quase 20% dos votos naquele pleito.

Eduardo Jorge já foi filiado ao PT, mas manteve secretarias em governos ligados ao tucanos em São Paulo. Ele foi secretário do Verde e do Meio Ambiente na cidade entre 2005 e 2012, quando José Serra (PSDB) e Gilberto Kassab (ex-DEM) foram prefeitos da capital.

No começo da noite Eduardo Jorge e o também ex-candidato a presidente Pastor Everaldo participaram de um ato de apoio ao candidato tucano Aécio Neves ao lado de Geraldo Alckmin, José Serra, Beto Richa, Aloysio Nunes, ACM Neto e outros nomes.

Eduardo Jorge entre Aécio Neves e o presidente do PV, José Penna