Ministério da Saúde confirma segundo caso de coronavírus no Brasil

Novo caso confirmado de coronavírus é de São Paulo e esteve na Itália recentemente. Ele está em isolamento.

Coletiva de imprensa do Ministério da Saúde sobre o coronavírus - Foto: Wilson Dias/Agência Brasil

Coletiva de imprensa do Ministério da Saúde sobre o coronavírus - Foto: Wilson Dias/Agência Brasil

Saúde

O Ministério da Saúde e a Secretaria de Saúde de São Paulo anunciaram, no fim da tarde deste sábado 29, o segundo caso confirmado de coronavírus no Brasil. O paciente é um homem de 32 anos que veio de Milão, na Itália, país que já tem mais de mil casos confirmados do COVID-19, o maior número fora da Ásia.

De acordo com as autoridades, o paciente infectado desembarcou em São Paulo na quinta-feira 27, sentiu os sintomas (febre, dores no corpo, na garganta e na cabeça) no mesmo dia e, no dia seguinte, procurou o Hospital Albert Einstein, onde recebeu atendimento e fez exames. A confirmação da infecção por coronavírus, porém, só veio neste sábado 29.

Segundo o Ministério da Saúde, o paciente está bem e permanece em isolamento domiciliar com a mulher, que não apresenta sintomas da doença. Embora ele tenha relatado o uso de máscara durante o voo da Itália para o Brasil, o órgão investiga junto à Anvisa os possíveis contatos próximos do homem durante o trajeto e em outros locais.

Assim como o primeiro paciente confirmado (um senhor de 61 anos que esteve na Itália), o novo caso de coronavírus também é considerado “importado”. Com isso, o Ministério da Saúde segue afirmando que não há evidências de circulação do vírus em território nacional.

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem