Política

Moraes reage a ataques e diz que o Brasil garantirá a democracia com eleição limpa e urna eletrônica

Em congresso na Bahia, o ministro do STF mencionou a importância de combater o ataque de ‘milícias digitais’ contra a democracia

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal. Foto: Rosinei Coutinho/SCO/STF
O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal. Foto: Rosinei Coutinho/SCO/STF
Apoie Siga-nos no

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, reforçou neste sábado 14 que a democracia no Brasil será garantida com eleições limpas e transparentes por meio das urnas eletrônicas.

Moraes participou do Congresso Brasileiro de Magistrados, em Salvador (BA), e mencionou a importância de combater o ataque de “milícias digitais” que atentam contra a democracia. Esses grupos, seguiu o ministro, “produzem conteúdo falso e notícias fraudulentas” e têm “o mesmo ou mais acesso que a mídia tradicional”.

Diante desse cenário, afirmou Moraes, citado pelo G1, o Poder Judiciário não vai “se acovardar” frente às milícias digitais e a “movimentos populistas”. Para ele, os ataques não são descoordenados e partem de um movimento que “tem muito dinheiro”.

“Isso foi sendo construído pelos movimentos populistas, principalmente pela extrema-direita.”

Na sexta-feira 13, no mesmo congresso, o presidente do Tribunal Superior Eleitoral, Edson Fachin, também defendeu a atuação da Justiça ante ataques ao sistema eletrônico de votação. O ministro declarou que não permitirá “a subversão do processo eleitoral”.

Fachin não mencionou diretamente o presidente Jair Bolsonaro, que dobrou a aposta em declarações que tentam deslegitimar as eleições. Cobrou, porém, que “todos os Poderes digam, sem subterfúgios, que vão respeitar o processo eleitoral de outubro de 2022”.

A nenhuma instituição ou autoridade a Constituição permite poderes que são exclusivos da Justiça Eleitoral. Não permitiremos a subversão do processo eleitoral”, disse Fachin. “E digo, para que não tenham dúvida: para remover a Justiça Eleitoral de suas funções, terão que antes remover este presidente da sua presidência”.

E completou: “Diálogo, sim. Joelhos dobrados, jamais”.

CartaCapital

CartaCapital Há 27 anos, a principal referência em jornalismo progressista no Brasil.

Tags: , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.