Política

Foguete do Exército disparado em exercício militar cai em plantação em Formosa (GO)

Força tem uma base na cidade, localizada no Entorno de Brasília

Foto: Divulgação/Exército Brasileiro
Foto: Divulgação/Exército Brasileiro
Apoie Siga-nos no

Um foguete lançado da base do Exército em Formosa (GO), no Entorno de Brasília, se desviou de sua rota e caiu numa plantação próxima na quarta-feira. Segundo o Exército, o fato ocorreu durante um exercício militar do Curso de Operação do Sistema de Mísseis e Foguetes para oficiais e sargentos. A instituição informou também que já está trabalhando nas investigações.

“Após o incidente, a equipe de instrutores e monitores, acompanhados da equipe médica do exercício, compareceu ao local do impacto, onde constatou não haver vítimas ou danos materiais. O exercício foi planejado para ocorrer dentro dos limites do Campo de Instrução de Formosa (CIF), tendo sido adotadas todas as medidas de segurança”, diz trecho da nota do Comando Militar do Planalto.

Na quarta, em discurso na Câmara, o deputado José Nelton (PP-GO) disse que convidaria o ministro da Defesa, Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira, e o comandante do Exército, Marco Antônio Freire Gomes, para dar as devidas explicações ao Congresso.

— Foi lançado e mudou o trajeto dele, caindo perto da cidade, numa plantação de soja. Isso é muito grave. Diante deste grave incidente, eu estarei convidando o ministro da Defesa, convidando também o general do Exército, o comandante do Exército brasileiro e o comandante do Forte de Santa Bárbara para comparecer no plenário ou na comissão para dar as devidas explicações para este Congresso Nacional. Como pode um míssil ser lançado e ser desviado? Caiu em uma plantação de soja bem ao lado da cidade de Formosa — disse o deputado na quarta.

Agência O Globo

Agência O Globo Agência de notícias e de fotojornalismo do Grupo Globo.

Tags: , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.