Em 1º encontro após vazamentos, Bolsonaro condecora Moro

Desde domingo, quando as conversas entre Moro e integrantes do MPF foram divulgadas, Bolsonaro não se manifestou sobre o caso

Em 1º encontro após vazamentos, Bolsonaro condecora Moro

Política

O presidente Jair Bolsonaro se reuniu, na manhã desta terça-feira 11, com o ministro da Justiça e Segurança Pública Sérgio Moro. Essa é a primeira vez que os dois se encontram após a polêmica do vazamento de conversas entre Moro, na época juiz responsável pela operação Lava Jato em Curitiba, com procuradores do Ministério Público.

Bolsonaro recebeu o ministro no Palácio da Alvorada e os dois conversaram reservadamente por mais de 40 minutos. Depois seguiram de lancha para um evento da Marinha, no qual Moro foi condecorado com a medalha da Ordem do Mérito Naval.

Nem Bolsonaro nem Moro deram discurso. Os dois ficaram sentados juntos durante todo o evento. A fala do presidente foi lida por um mestre de cerimônia que apresentava a solenidade.

Desde domingo, quando as conversas entre Moro e integrantes do MPF foram divulgadas pelo site The Intercept Brasil, Bolsonaro não se manifestou sobre o caso. Em uma declaração rápida à imprensa,  o presidente disse confiar “irrestritamente no ministro Moro”. 

Responda nossa pesquisa e nos ajude a entender o que nossos leitores esperam de CartaCapital

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Repórter do site de CartaCapital

Compartilhar postagem