Política

Carlos Bolsonaro mantém ataques a Mourão nas redes sociais

Vereador acusou o ‘comportamento crocodilal’ do general desde a ‘época da transição’ e sinaliza que não vai dar trégua ao vice

Apoie Siga-nos no

A guerrilha virtual de Carlos Bolsonaro contra o general Mourão continua a todo vapor. Na manhã desta quinta-feira 25, o vereador acusou o ‘comportamento crocodilal’ do militar desde a ‘época da transição’ e sinaliza que não vai dar trégua ao vice-presidente.

 

A insurgência do filho 02 contra o vice se agravou desde o fim de semana. A crise começou depois que ele publicou na conta do presidente um vídeo em que Olavo de Carvalho diz que a única contribuição dos militares ao país é ‘cabelo pintado’ e ‘voz empostada’.

O vídeo foi apagado e, no dia seguinte, Carlos anunciou que começaria uma ‘nova fase’ longe do poder. Não durou muito. Nos últimos dois dias, Carlos Bolsonaro criticou o vice no Twitter pelo menos treze vezes. Ontem, compartilhou um vídeo de um youtuber que o acusa de trair o governo e o compara ao cantor Cauby Peixoto.

A rixa também teria respingado na relação familiar. Segundo apurou o colunista Guilherme Amado, da revista Época, Carlos teria trocado a senha de acesso ao perfil de Bolsonaro em retaliação ao pai. Exatos 54 minutos depois de a nota ser publicada, Bolsonaro voltou a publicar, acusando o jornalista de fake news.

O último post de Bolsonaro havia ido ao ar no dia 21, mesma data em que a postagem sobre os militares havia sido apagada.

ENTENDA MAIS SOBRE: , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Apoie o jornalismo que chama as coisas pelo nome

Os Brasis divididos pelo bolsonarismo vivem, pensam e se informam em universos paralelos. A vitória de Lula nos dá, finalmente, perspectivas de retomada da vida em um país minimamente normal. Essa reconstrução, porém, será difícil e demorada. E seu apoio, leitor, é ainda mais fundamental.

Portanto, se você é daqueles brasileiros que ainda valorizam e acreditam no bom jornalismo, ajude CartaCapital a seguir lutando. Contribua com o quanto puder.

Quero apoiar

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo