Política

Bolsonaro sobrevoa Esplanada dos Ministérios na véspera do 7 de Setembro

Procurada, a Secretaria de Comunicação Social da Presidência não informou o itinerário e nem o motivo do trajeto

O presidente da República, Jair Bolsonaro. Foto: Marcos Corrêa/PR
O presidente da República, Jair Bolsonaro. Foto: Marcos Corrêa/PR

Na véspera de manifestações em apoio ao governo que prometem renovar críticas e ataques ao Judiciário, o presidente da República, Jair Bolsonaro, fez nesta segunda-feira 6, um sobrevoo pela Esplanada dos Ministérios. O passeio de helicóptero do presidente ocorre um dia antes dos atos programados para este 7 de setembro.

Em Brasília, os atos serão na Esplanada. Alguns apoiadores de Bolsonaro já começaram nesta segunda a se dirigir para o local, empunhando cartazes com pedidos de fechamento do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Congresso Nacional.

Além da Esplanada, outro local que o chefe do Poder Executivo sobrevoou de helicóptero nesta segunda foi o Parque Leão, no Recanto das Emas, região administrativa do Distrito Federal a cerca de 30 km do centro da capital.

O local é onde parte dos apoiadores do presidente se concentra para os atos de terça-feira. A duração do trajeto foi de aproximadamente uma hora.

Procurada, a Secretaria de Comunicação Social da Presidência não informou o itinerário e nem o motivo do trajeto.

Os compromissos registrados nesta segunda na agenda oficial de Bolsonaro são reuniões com o ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres, o subchefe de Assuntos Jurídicos da Presidência, Pedro Cesar Sousa, e o ministro das Relações Exteriores, Carlos França.

Rolls-Royce

Antes do passeio helicóptero, Bolsonaro também dedicou alguns minutos de sua manhã para tirar fotos com apoiadores enquanto posava dentro do Rolls-Royce da Presidência.

O carro não chegou a dar partida, mas o presidente chamou apoiadores que estavam na entrada do Palácio da Alvorada para posarem ao seu lado. Bolsonaro chegou a tirar algumas fotos dentro do veículo. O presidente estava acompanhado do deputado Hélio Lopes (PSL-RJ).

Em um momento de maior animação, o presidente pediu que todos os homens saíssem do enquadramento da foto. “Só as mulheres aqui”, pediu.

Assine nossa newsletter

Receba conteúdos exclusivos direto na sua caixa de entrada.

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fonte confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!