Mundo

Hamas elogia decisão da CIJ, mas diz que Israel deveria cessar ofensiva em Gaza e não só em Rafah

Órgão máximo da ONU para disputa entre estados determinou que Tel Aviv garanta entrada de ajuda humanitária

Os palestinos fogem de Khan Yunis para Rafah, no sul da Faixa de Gaza, em 4 de dezembro de 2023, depois que o exército israelense apelou às pessoas para deixarem certas áreas da cidade, enquanto as batalhas entre Israel e os militantes do Hamas continuam. Foto: MAHMUD HAMS / AFP
Apoie Siga-nos no

O grupo islamista palestino Hamas elogiou a decisão da Corte Internacional de Justiça (CIJ), nesta sexta-feira (24), que ordenou que Israel encerre sua ofensiva militar em Rafah, embora estime que a operação deve ser interrompida em toda a Faixa de Gaza.

O Hamas “aplaude a decisão da Corte Internacional de Justiça”, afirmou em comunicado o movimento islamista, no poder em Gaza, acrescentando que espera que a mais alta instância judicial da ONU “tome uma decisão que ponha fim à agressão e ao genocídio contra o nosso povo em toda a Faixa de Gaza e não apenas em Rafah”.

ENTENDA MAIS SOBRE: , , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Apoie o jornalismo que chama as coisas pelo nome

Depois de anos bicudos, voltamos a um Brasil minimamente normal. Este novo normal, contudo, segue repleto de incertezas. A ameaça bolsonarista persiste e os apetites do mercado e do Congresso continuam a pressionar o governo. Lá fora, o avanço global da extrema-direita e a brutalidade em Gaza e na Ucrânia arriscam implodir os frágeis alicerces da governança mundial.
CartaCapital não tem o apoio de bancos e fundações. Sobrevive, unicamente, da venda de anúncios e projetos e das contribuições de seus leitores. E seu apoio, leitor, é cada vez mais fundamental.
Não deixe a Carta parar. Se você valoriza o bom jornalismo, nos ajude a seguir lutando. Contribua com o quanto puder.

Quero apoiar

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo