Mundo

Biden xinga Putin de ‘FDP maluco’ durante evento de arrecadação de fundos

O presidente norte-americano comentava sobre preocupação com conflitos nucleares quando citou o líder russo; o Kremlin reagiu ao xingamento, horas depois

Foto: ANDREW CABALLERO-REYNOLDS / AFP
Apoie Siga-nos no

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, chamou o líder russo, Vladimir Putin, de “FDP louco” em um evento de arrecadação de fundos realizado nesta quarta-feira 21, na Califórnia.

“Esta é a última ameaça existencial. É o clima. Temos um ‘FDP’ maluco como aquele cara, Putin e outros, e sempre temos que nos preocupar com o conflito nuclear, mas a ameaça existencial à humanidade é o clima”, disse Biden, na presença de um pequeno grupo de jornalistas.

Em inglês, Biden usou as três letras “SOB”, abreviação de “son of a bitch”, que pode ser traduzido para o português como “FDP” ou “filho da puta”.

O insulto veio em meio a crescente tensão entre os países diante a morte do opositor de Putin, Alexei NavalnyNo evento, Biden ainda disse que os Estados Unidos devem anunciar na sexta-feira 23, um pacote de novas e fortes sanções contra a Rússia pela morte do opositor.

Em reação ao xingamento de Biden, o Kremlin afirmou que o presidente dos Estados Unidos estava tentando parecer um “cowboy de Hollywood”.

“É uma imensa vergonha para os Estados Unidos. Se o presidente deste país utiliza este vocabulário, inevitavelmente é vergonhoso”, disse o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov. 

“Está claro que o sr. Biden, por interesses políticos internos, está demonstrando um comportamento ao estilo cowboy de Hollywood”, acrescentou.

(Com informações da AFP)

ENTENDA MAIS SOBRE: , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor…

O bolsonarismo perdeu a batalha das urnas, mas não está morto.

Diante de um país tão dividido e arrasado, é preciso centrar esforços em uma reconstrução.

Seu apoio, leitor, será ainda mais fundamental.

Se você valoriza o bom jornalismo, ajude CartaCapital a seguir lutando por um novo Brasil.

Assine a edição semanal da revista;

Ou contribua, com o quanto puder.

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo