Justiça

Justiça manda soltar Milton Ribeiro e pastores

Na decisão, desembargador entendeu que a medida foi desnecessária

Créditos: Reprodução
Créditos: Reprodução
Apoie Siga-nos no

O Tribunal Regional Federal da 1ª Região concedeu um pedido de liberdade em favor do ex-ministro da Educação Milton Ribeiro e demais investigados. Ribeiro e os pastores apontados como lobistas foram presos na quarta-feira 22, no âmbito da operação “Acesso Pago”. 

O ex-ministro é investigado por corrupção passiva, prevaricação, advocacia administrativa e tráfico de influências. 

Com a decisão, os demais investigados, Gilmar Santos, Arilton Moura, Helder Diego da Silva Bartolomeu e Luciano de Freitas, também tiveram a prisão preventiva cassada. 

O desembargador Ney Bello justificou a decisão ao lembrar que o próprio Ministério Público Federal se opôs às prisões.

“O próprio órgão acusador ofereceu parecer contrário às prisões, o que demonstra claramente a desnecessidade, pois quem poderá oferecer denúncia posterior ou requerer arquivamento acreditou serem desnecessárias e indevidas as detenções”, cita trecho. 

O magistrado ainda apontou que não existem razões suficientes para a manutenção das detenções, já que foram realizadas buscas e apreensões e deferidas quebras de sigilo.

Além disso, o fato de Ribeiro não integrar mais os quadros da Administração Pública Federal impede que ele continue a cometer crimes contra o estado. A decisão determina a imediata expedição dos alvarás de soltura.

Marina Verenicz
Repórter do site de CartaCapital

Tags: , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.