Petrobras anuncia venda de ações da BR Distribuidora

Operação é estimada em R$ 9,6 bilhões e deixa a estatal com controle de 37% da distribuidora

Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

Economia

A Petrobras aprovou a venda de 30% do capital que detém sobre a BR Distribuidora e passará a controlar apenas 41,25% do capital da subsidiária após a conclusão da operação. A decisão aprovada pelo Conselho de Administração da estatal foi anunciada na noite desta terça-feira 23.

A operação envolvendo R$ 291,25 milhões de ações da subsidiária responsável pela rede de postos de combustíveis em todo o país e de R$ 58,25 milhões de ações adicionais é estimada em R$ 8,5 bilhões. O preço unitário dos papéis é de R$ 24,50.

De acordo com a estatal, a oferta ainda pode ser acrescida de um lote suplementar de até 43,69 milhões de ações que elevaria o valor total da venda para R$9,63 bilhões. A medida reduziria ainda mais a participação da Petrobras sobre o capital da subsidiária, que passaria a 37,50%.

Segundo informações contidas no Prospecto Definitivo de Oferta Pública, a venda será coordenada pelo banco J.P Morgan como líder, em conjunto com os bancos Citi, Merrill Lynch, Credit Suisse, Itaú e Santander, que também atuarão como agentes de colocação internacional.

 

Junte-se ao grupo de CartaCapital no Telegram

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Agência de notícias brasileira, pública e de acesso livre, gerida pela Empresa Brasil de Comunicação (EBC).

Compartilhar postagem