Cultura

Unicamp aprova título de doutor honoris causa para Racionais MC’s

A honraria foi concedida pelo Conselho Universitário após reivindicações de alunos e professores

Foto: Reprodução/Instagram
Apoie Siga-nos no

O Conselho Universitário da Unicamp aprovou na última terça-feira 28 a outorga do título de doutor honoris causa aos músicos do Racionais MC’s. 

A concessão constava da Carta Antirracista, elabora em 2022 por estudantes e professores da disciplina Tópico Especiais em Antropologia IV: Racionais MC’s no Pensamento Social Brasileiro.

O conselho considerou Mano Brown, Ice Blue, Edi Rock e KL Jay como “intelectuais públicos que dialogam com o pensamento social brasileiro”. 

“A honraria também ressalta sua atuação política no combate ao racismo e às violências sociais existentes no País, destacando a crítica social incluída em sua produção”, reforçou o Consu.

Em novembro, o mesmo título foi concedido a Mano Brown pela Universidade Federal do Sul da Bahia. 

O título de doutor honoris causa é uma distinção concedida a pessoas que tenham contribuído para o progresso das ciências ou das letras – ou, ainda, que tenham beneficiado a humanidade ou a universidade. 

Desde a fundação, a Unicamp concedeu a honraria a 31 personalidades, incluindo os professores Paulo Freire e Antonio Candido, o poeta Mário Quintana, o economista Celso Furtado e o arquiteto Oscar Niemeyer.

Além de reconhecidos como integrantes do mais importante grupo brasileiro de rap, Mano Brown, Ice Blue, Edi Rock e KL Jay são reverenciados pela atuação política e por letras que trabalham com a autoestima de jovens negros periféricos.

Segundo o Consu, “a obra dos Racionais MC’s faz parte do cotidiano da Unicamp desde 2018, quando as letras do álbum Sobrevivendo ao Inferno tornaram-se leitura obrigatória do vestibular”.

ENTENDA MAIS SOBRE: , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor…

O bolsonarismo perdeu a batalha das urnas, mas não está morto.

Diante de um país tão dividido e arrasado, é preciso centrar esforços em uma reconstrução.

Seu apoio, leitor, será ainda mais fundamental.

Se você valoriza o bom jornalismo, ajude CartaCapital a seguir lutando por um novo Brasil.

Assine a edição semanal da revista;

Ou contribua, com o quanto puder.