CartaExpressa,Política

Vara de Curitiba cumprirá decisão de Fachin; Deltan diz que STF mudou as regras do jogo

Vara de Curitiba cumprirá decisão de Fachin; Deltan diz que STF mudou as regras do jogo

Ex-chefe da Lava Jato em Curitiba não demorou a criticar a determinação do ministro do Supremo

O procurador Deltan Dallagnol. Foto: Heuler Andrey/AFP

O procurador Deltan Dallagnol. Foto: Heuler Andrey/AFP

A 13ª Vara Federal em Curitiba informou nesta segunda-feira 8 que cumprirá a determinação do ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal, que anulou as condenações do ex-presidente Lula na Operação Lava Jato e declarou a incompetência da Justiça Federal do Paraná nos casos do triplex do Guarujá, do sítio de Atibaia e das doações ao Instituto Lula.

Em nota, a Vara, sob o comando do juiz Luiz Antônio Bonat, afirmou que os processos serão enviados à Justiça Federal em Brasília.

Por sua vez, o procurador Deltan Dallagnol, que chefiou a força-tarefa da Lava Jato na capital paranaense, se manifestou contra a decisão de Fachin. Nas redes sociais, ele afirmou que a operação “seguiu as regras do jogo então existentes” e questionou “o que mudou para que viesse essa decisão contrária às anteriores”.

Para o procurador, “esse é mais um dos casos derrubados recentemente num sistema de justiça que rediscute e redecide a mesma questão dezenas de vezes nas cortes e que favorece a anulação dos processos criminais”.

Deltan também declarou que “é preciso abrir os olhos para os amplos retrocessos que estão acontecendo no combate à corrupção” e levantou a possibilidade de que os casos envolvendo Lula prescrevam.

 

Responda nossa pesquisa e nos ajude a entender o que nossos leitores esperam de CartaCapital

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem