CartaExpressa,Política

Presidente do PDT diz que João Santana é ‘um gênio’ e acredita em 2º turno com Lula e Ciro

Presidente do PDT diz que João Santana é ‘um gênio’ e acredita em 2º turno com Lula e Ciro

O presidente do PDT, Carlos Lupi, em entrevista a CartaCapital

O presidente do PDT, Carlos Lupi, em entrevista a CartaCapital

O presidente do PDT, Carlos Lupi, elogiou o trabalho do marqueteiro João Santana, contratado pelo partido em abril para impulsionar a candidatura de Ciro Gomes à Presidência em 2022. Lupi se referiu a Santana como “um gênio na capacidade de produção” e chamou Ciro de “o melhor produto no sentido político e eleitoral”.

Em entrevista ao canal de CartaCapital no YouTube nesta terça-feira 14, Lupi admitiu a necessidade de tentar “popularizar” o programa defendido pelo partido.

“Acho que começamos a fazer isso, com filmagens em comunidade, com linguagem mais simples. Mas nós temos que apostar na inteligência do povo brasileiro. Agora tem que comparar claramente como o Brasil acabou nas mãos do Bolsonaro”, disse.

Lupi voltou a afirmar que acredita que os brasileiros levarão ao 2º turno em 2022 Ciro e Lula.

“É o 2º turno do céu, porque vai se discutir projeto, o que o Lula fez – e teve muita coisa positiva. Mas acho que o Brasil tem de experimentar algo que avance, que cresça, com políticas mais permanentes, que trate educação com profundidade e esse sistema financeiro com as taxações que acontecem em todo o mundo”, declarou.

O pedetista também defendeu a participação da legenda nos atos do último domingo 12 contra Bolsonaro organizados por movimentos de direita como o MBL e o Vem Pra Rua.

“Achamos que agora é hora de em primeiro lugar botar a Pátria brasileira. E o impeachment de Bolsonaro é livrar a Pátria brasileira desse mal que está abatendo todo o povo brasileiro. Não bastassem a ignorância e o despreparo, é também o presidente do ódio”, avaliou Lupi.

Assista à íntegra da entrevista:

 

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Editor do site de CartaCapital. Twitter: leomiazzo

Compartilhar postagem