CartaExpressa,Política

‘O governo vai entregar 140 milhões de vacinas até maio’, disse Lira em março; total não passa de 90 milhões

‘O governo vai entregar 140 milhões de vacinas até maio’, disse Lira em março; total não passa de 90 milhões

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira, e o presidente Jair Bolsonaro. Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira, e o presidente Jair Bolsonaro. Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), prometeu no dia 1º de março que o governo de Jair Bolsonaro entregaria 140 milhões de doses de imunizantes contra a Covid-19 até o fim de maio.

No entanto, segundo dados oficiais do Ministério da Saúde, a gestão federal entregou 90.063.567 vacinas até esta segunda-feira 31. De acordo com o consórcio de veículos de imprensa que acompanha os dados da pandemia, 67.296.904 doses foram aplicadas até o domingo 30.

Por isso, a mensagem do líder do Centrão, publicada nas redes sociais, viralizou nesta segunda, em meio a questionamentos de internautas.

“Maio chegou ao fim: sem auxílio emergencial decente e sem as vacinas. Já as mentiras e crimes de Bolsonaro aumentaram e o impeachment não veio. Quem se cala diante da tragédia do povo brasileiro só pode ser cúmplice!”, escreveu a deputada federal Sâmia Bonfim (PSOL-SP).

 

 

Responda nossa pesquisa e nos ajude a entender o que nossos leitores esperam de CartaCapital

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem