CartaExpressa

‘Houve dois estupros na audiência’, diz Randolfe sobre caso Mariana Ferrer

‘Houve dois estupros na audiência’, diz Randolfe sobre caso Mariana Ferrer

O Senado aprovou por unanimidade na terça-feira 3 voto de repúdio ao advogado Cláudio Gastão da Rosa Filho, ao juiz Rudson Marcos, do Tribunal de Justiça de Santa Catarina, e ao promotor de Justiça Tiago Carriço de Oliveira, por deturparem fatos de um crime de estupro com base em acusações misóginas.

“Houve dois estupros nessa audiência. O primeiro, do senhor estuprador, que é o André de Camargo. O segundo, foi um estupro moral, que diz respeito à atuação do advogado naquela audiência”, disse Randolfe Rodrigues (Rede).

 

 

Ver essa foto no Instagram

 

Após a repercussão das imagens do julgamento que absolveu André Aranha do crime de estupro de vulnerável, o Senado fez algumas movimentações importantes. Foi aprovada uma nota de repúdio, conforme publicação do Congresso em Foco, contra o advogado Cláudio Gastão da Rosa Filho, o juiz Rudson Marcos e o promotor Thiago Carriço de Oliveira por deturparem fatos de um crime de estupro com base em acusações misóginas. A iniciativa foi do senador Fábio Contarato, que reforça que houve constrangimento da vítima na sessão do julgamento. A procuradora da Mulher do Senado, senadora Rose de Freitas, também afirmou que pedirá a anulação da sentença que absolveu o empresário Aranha, segundo informações da Agência Senado. O senador @randolferodrigues comenta sobre o caso no vídeo. #justicapormariferrer #senado #estuproculposonaoexiste

Uma publicação compartilhada por Casa Das Redes (@casadasredesninja) em

 

Responda nossa pesquisa e nos ajude a entender o que nossos leitores esperam de CartaCapital

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem