CartaExpressa

Governo abre crédito extraordinário de R$ 12,2 bi para o RS

Valor vai servir para ações emergenciais

Operação de resgate em Canoas, no Rio Grande do Sul. Cidade é uma das mais afetadas pela tragédia. Foto: Guilherme PEREIRA / Canoas City Hall / AFP
Apoie Siga-nos no

O governo federal abriu um crédito extraordinário de 12,2 bilhões de reais para ações no Rio Grande do Sul.

A liberação do montante consta em uma Medida Provisória (MP) publicada no último sábado 10. 

A ideia é que o valor sirva para arcar com os custos de ações emergenciais desenvolvidas no estado. 

Outros custos, que deverão estar ligados ao processo de reconstrução de várias cidades atingidas pelas enchentes históricas, só serão dimensionados “em momento posterior, após a identificação da extensão do dano causado pelas fortes chuvas e enchentes”, segundo comunicado do governo.

Ainda de acordo com o governo, o valor serve para viabilizar uma série de medidas que já estão em execução, a exemplo da contratação de profissionais que auxiliam no suporte às vítimas e do pagamento de parcelas extras do seguro desemprego, bem como da compra de toneladas de arroz.

Com o montante, o valor total já liberado pelo governo para o RS supera a casa dos 60 bilhões de reais.

ENTENDA MAIS SOBRE: , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor…

O bolsonarismo perdeu a batalha das urnas, mas não está morto.

Diante de um país tão dividido e arrasado, é preciso centrar esforços em uma reconstrução.

Seu apoio, leitor, será ainda mais fundamental.

Se você valoriza o bom jornalismo, ajude CartaCapital a seguir lutando por um novo Brasil.

Assine a edição semanal da revista;

Ou contribua, com o quanto puder.