CartaExpressa

Bolsonaro ironiza Renan Calheiros: ‘Faça uma CPI do leite condensado’

O presidente reagiu à uma entrevista recente do senador, na qual ele afirma que a comissão ‘não é para investigar desvios de recursos

Presidente Jair Bolsonaro.  

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
Presidente Jair Bolsonaro. Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro reagiu, em conversa com apoiadores na saída do Palácio da Alvorada nesta quarta-feira 12, a uma entrevista concedida pelo relator da CPI da Covid, o senador Renan Calheiros (MDB-AL), na qual ele afirma que a comissão “não é para investigar desvios de recursos”.

Em tom irônico, o presidente declarou: “Vocês viram Renan Calheiros esta semana? ‘A CPI não existe para investigar desvio de recursos’. É isso aí. Dou uma sugestão para o Renan: depois, faça uma CPI do leite condensado”, afirmou.

O presidente também voltou a negar a existência de um orçamento secreto que, segundo documentos revelados pelo jornal O Estado de S. Paulo, favoreceram a base aliada do governo com repasses de emendas parlamentares ocultas.

“E tem mais uma também. Os 3 bilhões do Orçamento secreto. Sabiam? O Parlamento votou o Orçamento, meses, eu sancionei e tem lá 3 bilhões secretamente”, ironizou.

Assine nossa newsletter

Receba conteúdos exclusivos direto na sua caixa de entrada.

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fonte confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!