CartaExpressa,Política

Bolsonaro escolhe para a AGU Bruno Bianco, que ficou uma semana no ministério de Onyx

Bolsonaro escolhe para a AGU Bruno Bianco, que ficou uma semana no ministério de Onyx

Jair Bolsonaro e Bruno Bianco. Foto: Reprodução/Redes Sociais

Jair Bolsonaro e Bruno Bianco. Foto: Reprodução/Redes Sociais

O presidente Jair Bolsonaro confirmou nesta quinta-feira 5 a escolha de Bruno Bianco, secretário-executivo do recém-criado Ministério do Trabalho e Previdência, para a Advocacia-Geral da União.

André Mendonça, atual ministro-chefe da AGU, deixará o posto nos próximos dias a fim de se dedicar à sabatina no Senado que poderá chancelar sua nomeação para o Supremo Tribunal Federal. Mendonça é o personagem ‘terrivelmente evangélico’ indicado por Bolsonaro para ocupar a cadeira de Marco Aurélio Mello, que se aposentou em julho.

De acordo com o governo, Bianco é mestre em Direito pela Universidade de Marília, especialista em Direito Público e pós-graduado em Direito Processual Civil.

Antes de ser nomeado, na semana passada, para o cargo de nº2 no ministério criado para abrigar Onyx Lorenzoni, o novo AGU trabalhou como secretário especial de Previdência e Trabalho no Ministério da Economia, subordinado a Paulo Guedes.

 

 

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem