CartaExpressa,Política

Ao STF, Bolsonaro rechaça lockdown e diz que faz ‘esforço hercúleo’ para combater a Covid

Ao STF, Bolsonaro rechaça lockdown e diz que faz ‘esforço hercúleo’ para combater a Covid

O presidente da República Jair Bolsonaro. Foto: Alan Santos/PR

O presidente da República Jair Bolsonaro. Foto: Alan Santos/PR

Em manifestação enviada ao Supremo Tribunal Federal, o presidente Jair Bolsonaro afirmou que seu governo age “de forma estratégica” e promove um “esforço hercúleo no combate à pandemia” do novo coronavírus.

A gestão federal produziu o documento, revelado nesta quarta-feira 28 pelo jornal O Globo, no âmbito de uma ação apresentada por sindicatos e centrais sindicais, entre as quais a Central Única dos Trabalhadores, a Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil, a Nova Central Sindical dos Trabalhadores e a União Geral dos Trabalhadores.

As centrais cobram que o STF interceda pela adoção de medidas duras de distanciamento social, como o lockdown.

“O governo federal tem, de forma estratégica e proativamente, envidado esforço hercúleo no combate à pandemia, segundo critérios científicos e técnicos aplicáveis à matéria, sempre com o escopo de minimizar os riscos à saúde da população nacional”, diz um trecho do documento do governo Bolsonaro divulgado pelo veículo.

Na terça-feira 27, a Procuradoria-Geral da República também enviou um documento ao STF em que se diz contra a adoção de um lockdown nacional, sob o argumento de que ‘diferenças regionais’ inviabilizariam o plano.

 

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem